5G: complexidade e divergências sobre o edital atrasam leilão que governo previa para este mês

Divergências sobre o edital entre a área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU), o governo e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) atrasaram o leilão do 5G, a nova geração de internet móvel, previsto originalmente pelo Ministério das Comunicações para ser realizado neste mês de julho.

O certame ainda não tem data para acontecer. A proposta de edital, aprovada pela agência em fevereiro e enviada para avaliação do TCU em março, segue em análise.

O governo e a Anatel só terminaram de prestar todos os esclarecimentos solicitados pelos auditores do TCU no fim de junho.

Em nota, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou que, desde 26 de junho, não tem “quaisquer solicitações pendentes relativas à entrega de documentação, dados ou esclarecimentos” ao TCU.

O Ministério das Comunicações também informou, em nota de 28 de junho, que já encaminhou toda a documentação necessária.

Fonte: G1

Postado em 4 de julho de 2021