Atraso na posse de Queiroga atrapalha investigações do MPF na Saúde

A demora na oficialização da troca de Eduardo Pazuello por Marcelo Queiroga no Ministério da Saúde já tem repercutido mal entre governadores e secretários, relata O Globo.

Em meio ao agravamento da pandemia, a pasta está sem comando definido, atrapalhando a condução do combate à Covid. Entes das esferas estaduais e municipais ainda tratam de questões urgentes com Pazuello, mas sem saber o que esperar de Queiroga e se haverá alguma mudança de rumo.

Além disso, prossegue o jornal carioca, “a demora na posse de Queiroga tem atrapalhado inclusive investigações em curso sobre a pasta no Ministério Público Federal”.

O Antagonista acredita que é isso mesmo que o desgoverno de Jair Bolsonaro quer —pelo menos enquanto Pazuello não é alocado no seu foro privilegiado.

Fonte: O Antagonista

Postado em 23 de março de 2021