Bolsonaro anuncia que vai manter Wagner Rosário como ministro da Controladoria-Geral da União

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) anunciou nesta terça-feira (20) que Wagner Rosário será o ministro da Controladoria-Geral da União em seu governo.

Bolsonaro confirmou o nome do ministro por meio de sua conta no Twitter, logo após desembarcar em Brasília. O presidente e Rosário tinham um encontro marcado na base aérea da capital federal.

Rosário é o atual ministro da Transparência e CGU e permanecerá no cargo. Até o momento, ele é o primeiro ministro do governo de Michel Temer que permanecerá na gestão de Bolsonaro.

Criada em 2003, atualmente a CGU tem status de ministério e responde por ações de controle interno do governo, a fim de prevenir e combater corrupção, incentivar a transparência na gestão e defender o patrimônio público.

Wagner Rosário agradeceu a indicação para continuar no cargo também por meio do Twitter. Ele disse, ainda, que vai trabalhar “em defesa do patrimônio público e no combate à corrupção”.

Fonte: G1

Postado em 20 de novembro de 2018